Orillo Onorio, de perdedor a primeiro colocado no Clássico Adil (L)


Orillo Onorio  | Foto: Porfírio Menezes

Em final dos mais apertados, do primeiro ao quarto colocado pouco mais de um corpo (1 ¼ ), vitória para o então perdedor Orillo Onorio, nos 3.000 metros, grama macia, do Clássico Adil (L.). A disputa dos fundistas, na qual o JCSP homenageia um dos maiores animais de todos os tempos, foi a segunda atração nobre da reunião de domingo, 15 de maio, no prado paulistano. 

O voluntarioso Filho de Campeão, com Capitão Barbosa na sua cola, ditou o ritmo, ponteando até o começo da reta final. Capitão Barbosa dominou, mas não tirou, então, o lote se agarrou e vários competidores deram fila de vitória. Orillo Onorio atacou Capitão Barbosa, os dois vieram emparelhados nos metros decisivos e no espelho, vantagem para Orillo Onorio com Capitão Barbosa formando a dupla. Olympic Jack, Xá Persa e Nabucodonosor fecharam o marcador. 

Preparado em Campinas pelo grande Afonso Florio Barbosa, Orillo Onorio é um 3 anos, filho de Going Somewhere e Glicinia, por T.H.Approval, de criação e propriedade do Haras Phillipson. Na sua primeira vitória, Orillo Onorio percorreu os três quilômetros em 3min11s155.

Por Fernando Lopes


« VOLTAR


Veja Também

Leia Mais [14/06/2021 16:51:19]
Programa Papo de Turfe: dia 16 de junho às 19h00
Leia Mais [14/06/2021 16:37:43]
Nesta 4ª feira, Leilão de Treinamento da APPS
Leia Mais [12/06/2021 15:27:25]
PE Max Perlman : Zilhão Dolar supera Tácio por focinho
Leia Mais [11/06/2021 17:39:01]
Copa dos Criadores conhece sua primeira relação de inscritos: confira
Leia Mais [11/06/2021 14:04:04]
Nota de falecimento: Alcides "Tide" da Costa Vidigal Filho
Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.